Aviso Importante
Aviso

Na tarde do dia 24 de abril, o vereador Brasil Oliveira esteve reunido com a presidente da Fundação Hospital Centenário, Lilian Silva e o procurador jurídico, Maicon Barbosa. O objetivo principal desse encontro foi a abordagem sobre os investimentos feitos com os repasses das emendas e verbas federais destinadas a instituição. Em uma conversa bastante produtiva e esclarecedora, Lilian relatou que o hospital possui hoje 28 respiradores pulmonares, sendo dez na UTI do Covid-19, dez na UTI geral e oito na UTI NEO, podendo ser utilizados 20 em adultos e oito em crianças.

Um respirador fixo custa o equivalente a 108 mil, e o portátil, 60 mil. E para garantir a agilidade na entrega e foi preciso realizar um depósito antecipado. Onde foi gasto parte do recurso.

"A proteção dos funcionários foi uma ação imediata. Todos utilizam protetor facial", reforçou a presidente. 

Conforme publicações nas redes socias da prefeitura, essa arrecadação já totalizou o equivalente a 7 milhões de reais. Mas devido aos trâmites legais para os repasses, o hospital até hoje, recebeu 768 mil reais, para a compra de respiradores, equipamentos de proteção individual e camas hospitalares. 

Referente ao último repasse do Ministério da Saúde, em que foi destinado para a cidade o valor de R$3.351.535,85 referente a uma décima terceira parcela paga única e exclusivamente para ações de combate ao coronavirus, o secretário de saúde irá informar na próxima segunda-feira onde será investido esse valor.

A presidente também relatou que no início da pandemia, ficou bastante receosa em relação aos possíveis afastamentos. Mas obteve um retorno positivo da maioria, que optou por continuar diante ao enfrentamento ao vírus. Os afastamentos foram de funcionários acima dos setenta anos e das gestantes.

Na ocasião, o vereador aproveitou para explicar sobre a indicação que enviada ao prefeito, onde sugeri o pagamento de 40% de insalubridade referente ao teto máximo a todos os profissionaes da área da saúde.

"Hoje, estes trabalhadores recebem entre 5, 10 ou 20%. Nada mais legítimo, que recebam este acréscimo por estarem diretamente na linha de frente ao combate do vírus e consequentemente, uma possível contaminação", ressalta Brasil.

Os valores para esse pagamento seriam retirados de recursos aprovados pela Câmara, onde está incluso o pagamento de pessoal e da arrecadação de IPTU, ISS, visto que o governo continua arrecadando e não diminuiu nenhum imposto em meio à crise.

O vereador também sugeriu que nas próximas pautas referentes aos recursos destinados pata o hospital, que a presidente seja convidada para a sessão plenária, para que possa expor um levantamento atualizado das necessidades da instituição. Assim como foi sugerido em relação a emenda repassada em parceria com o deputado federal Danrlei, no valor de R$300 mil reais. Investidos na aquisição de 2 camas cirúrgicas, 2 focos cirúrgicos fixos e um monitor multiparamétrico com capnografia.

Concluiu a visita, manifestando mais uma vez o seu agradecimento e orgulho a todos os profissionais da instituição e de toda a rede pública de saúde, que são incansáveis no seu trabalho. E colocou-se a disposição para qualquer ajuda referente a deliberações necessárias para a continuidade das atividades.

Notícias - Bancada PSD - Fernanda Cerveira Poletto ()

Sistema Legis

Fale Conosco

Rua Independência, 66 - Centro - CEP 93010-001
São Leopoldo / RS
Telefone: (51) 3579-9200
Horário: segunda à sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h.