Aviso Importante
Aviso

Com o avanço da Covid-19, a Câmara Municipal de São Leopoldo, em consonância com os decretos municipal, estadual e federal de calamidade pública, e seguindo os protocolos da Organização Mundial da Saúde, prorrogará o período de suspensão de todas as atividades administrativas e legislativas no prédio do Poder Legislativo. Com isto, os servidores continuarão, dentro da possibilidade, prestando o trabalho remoto em suas residências até o final de abril.

As sessões acontecerão todas as quintas-feiras, às 10 horas, de maneira virtual. Para o munícipe, o atendimento continua sendo realizado via e-mail ([email protected]), e pela ouvidoria (https://ouvidoria.camarasaoleopoldo.rs.gov.br).

 

PREVINA-SE

Em meio a esta pandemia, simples ações podem contribuir para evitar a transmissão do vírus, que costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal, através de:

- gotículas de saliva;

- espirro;

- tosse;

- catarro;

- contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão;

- contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

 

AÇÕES SIMPLES PARA EVITAR A CONTAMINAÇÃO E TRANSMISSÃO

- Lave as mãos: a lavagem frequente das mãos é a principal recomendação para se prevenir;

- higienize as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos a cada vez;

- esfregue os espaços entre os dedos, o dorso da mão e cavidades (dobras dos dedos e unhas), onde as bactérias podem se alojar;

- use sabonete (apenas água é insuficiente para a higienização). Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

- evite contato próximo com pessoas doentes e, se você estiver doente, fique isolado em sua casa;

- ao tossir ou espirrar, cubra boca e nariz com um lenço de papel e, logo após, jogue imediatamente no lixo; caso não tenha lenço, tape boca ou nariz com o braço dobrado. Desta forma você evita que secreções do corpo entrem em contato com superfícies ou com outras pessoas;

- evite tocar olhos, boca e nariz, pois é desta maneira que o vírus entra no corpo, já que essas regiões têm mucosas;

- evite ambientes com cinco pessoas ou mais;

- se for liberado do trabalho, FIQUE EM CASA. Não são férias, e sim momento de isolamento;

- mantenha distância de, no mínimo, 1 metro das pessoas;

- use álcool gel como alternativa a água e sabão.

- só use máscara se você já estiver infectado pelo vírus, for profissional da saúde, ou estiver com algum sintoma do COVID-19;

- se tiver qualquer sintoma, mantenha-se longe de pessoas com mais de 60 anos. Os idosos são os mais afetados neste momento, e também os que têm maior risco de vida no caso de contaminação;

 

AO PROCURAR UMA UNIDADE DE SAÚDE

De acordo com o protocolo, pessoas com sintomas respiratórios devem comunicar a situação assim que chegarem às unidades de saúde. Quem estiver nessa condição terá um tratamento específico, com prioridade para idosos acima de 60 anos e pessoas com doenças crônicas.

Já os casos mais graves serão encaminhados para os hospitais, conforme a regulação estadual, que até o momento são: Hospital Conceição de Porto Alegre, Universitário de Canoas, e Hospital Geral de Novo Hamburgo. Isso envolve pessoas com dificuldade de respirar e com doenças cardíacas, respiratórias crônicas, renais ou cromossômicas.

ATENÇÃO: Pacientes com os sintomas respiratórios de febre, tosse, dor de garganta e dificuldade para respirar, o médico irá determinar a conduta clínica e ➡️➡️ indicar o isolamento domiciliar e emitir o atestado para o doente e todas as pessoas que residem no mesmo domicílio por 14 dias, conforme a Portaria nº 356/2020, sem a realização de exame. Para emissão do atestado, deverá ser informado pelo paciente o nome completo dos demais familiares, e ou, pessoas que morem juntos.

 

DENÚNCIAS

O Procon-SL está atendendo com plantão 24 horas, via telefone e e-mail os consumidores que queiram denunciar ocorrências de preços abusivos praticados pelos estabelecimentos autorizados a atender o público. ➡️ Os canais de atendimento são o telefone 2200.0355 , pelo Whatsapp no número 99829.3084 e pelo e-mail [email protected]

 

SERVIÇOS PÚBLICOS

- Serviços de proteção à mulher vítima de violência em São Leopoldo: Estão funcionando com algumas restrições que visam evitar a disseminação do novo coronavírus (Covid-19). Em geral estão sendo adotados outros meios de contato com as vítimas e reforçando cuidados para prevenção.

 

- Patrulha Maria da Penha: A Brigada Militar segue atendendo normalmente seguindo as orientações de saúde. O serviço atende no telefone 190 e é responsável por acompanhar a situação das mulheres com medida protetiva.

 

- Polícia Civil - Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) e Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA): Os plantões serão mantidos para atendimento dos casos mais graves, como crimes dolosos contra a vida, roubos, recuperação e devolução de veículos, estupros e violência doméstica. As pessoas que necessitarem de atendimento serão orientadas à higienização com álcool em gel, que será fornecido pelo órgão. Já para casos não graves, como furto, acidente de trânsito sem feridos, perturbação, ameaça, a Instituição orienta que os registros sejam feitos na Delegacia On-line.

 

-  Centro Jacobina: Segue atendendo casos urgentes, das 9h às 14h. Está localizado na Rua Brasil, 784, Centro, e atende nos telefones 3592-2184 e 3566-1777. O acompanhamento de cada caso será construído em conjunto com a mulher, evitando deslocamento desnecessário até o local.

Mulheres vítimas de violência também podem fazer a denúncia pelo Ligue 180, do Governo Federal. O serviço funciona para casos não urgentes, que podem ser registrados pelo telefone e encaminhados para a Delegacia da Mulher posteriormente. A Central funciona 24 horas, todos os dias da semana.

 

Serviços relacionados ao Juizado da Violência Doméstica e Familiar:

- Ministério Público: Apenas casos urgentes estão sendo atendidos. Os atendimentos destes casos estão sendo realizados de forma não presencial, através de e-mail ou pelo telefone.

- Fórum: Todas as audiências foram canceladas, com exceção das urgências que ficam a critério de cada juiz. O ingresso no local está restrito pelos próximos 30 dias, permitido apenas para as urgências.

- Poder Judiciário: o Poder Judiciário está em regime de plantão por 30 dias.

Promotoria de Justiça: Apenas atendimentos de urgência de acordo com o regime de plantão do Judiciário.

 

 

Notícias - Mesa Diretora - Paulo Henrique Machado ()

Sistema Legis

Fale Conosco

Rua Independência, 66 - Centro - CEP 93010-001
São Leopoldo / RS
Telefone: (51) 3579-9200
Horário: segunda à sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h.