Aviso Importante

A Mesa Diretora da Câmara Municipal, representada pelos vereadores Júlio Galperim e Fabiano Haubert, respectivamente presidente e secretário, se reuniram com o Diretor Geral do Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Servidores Municipais de São Leopoldo (IAPS), Maurício Keller, e com a Diretora de Administração e Finanças, Adriana Lisboa, para discutir a situação do prédio onde hoje está instalada a Casa Legislativa. O encontro, na sede do IAPS, aconteceu na quarta-feira (22/01).

"Por ser um prédio tombado, sabemos que há grandes dificuldades quando de uma restauração, porém, são necessárias melhorias para que a população possa frequentar a casa com segurança e dignidade. Hoje, por exemplo, não temos o PPCI ainda”, ressaltou o presidente do Legislativo. Para Galperim, “prédios públicos deveriam servir como exemplo de acessibilidade, e isto não acontece na Câmara Municipal”.

Proprietário do prédio, o IAPS construiu um projeto de restauração que deverá, até fevereiro, ser enviado ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional para aprovação. Conforme a diretora Adriana, "a arquiteta responsável pelo projeto citou três pontos necessários, que seriam a troca de todo o telhado; a estrutura das janelas; o reboco na estrutura interna e externa”. O custo será de responsabilidade do Instituto. Sobre o PPCI, Adriana disse que “em 2019 foi contratada uma empresa para construir o plano de prevenção contra incêndios da Câmara Municipal. Hoje, o IAPS depende de uma vistoria dos bombeiros ao prédio da Câmara para que se possam corrigir os possíveis apontamentos e, então, aprovar o plano”.

Questionamento feito por Galperim e Haubert, a acessibilidade é um tema complicado devido ao tombado do prédio histórico. “Não há como derrubar paredes para, por exemplo, pôr um elevador. Este tombamento nos deixa sem ter muito o que fazer”, afirmou o diretor geral, Maurício Keller. Ainda segundo ele, há o interesse em vender o prédio, porém, para que isto possa acontecer, a Câmara Municipal de São Leopoldo teria que se mudar para um novo endereço.

“Vamos estudar esta possibilidade. Se conseguimos um lugar melhor, que não aumentará o custo que temos hoje com aluguel e manutenção, vamos consultar os demais vereadores e tomar uma decisão conjunta. O que sabemos é que, mesmo que esta reforma seja feita, o prédio continuará obsoleto e aquém das necessidades de um município do porte de São Leopoldo”, finalizou Galperim.

Um novo encontro deverá ser realizado em fereveiro para discutir a situação. Enquanto isto, o projeto será enviado para avaliação do IPHAN.

Notícias - Ver. Júlio Galperim - Paulo Henrique Machado ()

Sistema Legis

Fale Conosco

Rua Independência, 66 - Centro - CEP 93010-001
São Leopoldo / RS
Telefone: (51) 3579-9200
Horário: segunda à sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h.