Aviso Importante

Para facilitar a doação de alimentos para entidades carentes, o vereador Júlio Galperim irá apresentar em 2019 um projeto que regulamentará o tema, hoje regido pela Lei Federal nº 8.137, de 1990. A intenção do projeto está protocolada no sistema da Câmara Municipal.

Conforme Galperim, “se um restaurante doar as sobras a uma instituição e esse alimento causar qualquer dano à saúde, o próprio doador será responsabilizado. Desta forma, a maioria dos restaurantes prefere jogar a comida fora. É um tema complexo, mas precisamos fazer algo”.

Em 11 de dezembro o vereador se reuniu com a diretora do Centro de Vigilância em Saúde, Vivian Bennemann, que se comprometeu em analisar o texto e estudar possíveis impedimentos.

Mesmo entendendo que são necessárias regras rígidas sobre o tema, Galperim ressalta que a pessoa deve garantir a qualidade do alimento enquanto ele está acondicionado no local ofertado para a população, mas não pode responder após essa comida sair do estabelecimento.

DADOS

Segundo a FAO (The Food and Agriculture Organization), aproximadamente 1/3 dos alimentos produzidos em todo o mundo é desperdiçado. No Brasil, um levantamento do Diálogos Setoriais União Europeia-Brasil evidenciou que 22% da comida que vai para o lixo em nosso país é representada por arroz, enquanto o feijão chega a 16% do montante. A perda da carne chega a 20%, e do frango a 15%. Os resultados foram obtidos após entrevista com 1.764 pessoas em todo o território brasileiro.

Notícias - Ver. Júlio Galperim - Paulo Henque Machado ()

Sistema Legis

Fale Conosco

Rua Independência, 66 - Centro - CEP 93010-001
São Leopoldo / RS
Telefone: (51) 3579-9200
Horário: segunda à sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h.