A vereadora Iara Cardoso, líder da bancada do PDT na Câmara de Vereadores de São Leopoldo considerou bastante positiva a reunião com o chefe de polícia, Emerson Wendt na manhã desta quinta-feira (05). O encontro contou com a participação do promotor de Justiça, Thomaz Colleto; do secretário de Segurança Pública e Defesa Comunitária (SEMUSP), Carlos Sant'ana; da presidente da OAB Subseção São Leopoldo, Rita Pavoni; da secretária de Políticas para Mulheres (Sepom), Danusa Alhandra Silva; além de representantes do Sindicato dos Agentes da Polícia Civil do RS (UGEIRM).
O grupo apresentou a sua preocupação com as instalações precárias da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) e da 1ª Delegacia de Polícia, que hoje conta com pelo menos 10 apenados detidos nas celas e em um ônibus da Brigada Militar. ‘‘O fim dessa situação precária deve ser pensado a curto prazo a situação está crítica. O Ministério Público recebeu o pedido de interdição, porém quer discutir o assunto para evitar o caos’’, destaca o promotor Thomaz Colleto.
O chefe de Polícia manifestou a intenção do estado em iniciar uma pequena reforma no prédio da 1ª DP e no DPPA, com um orçamento de cerca de R$ 15 mil que seriam usados para melhorias na instalação elétrica e no esgoto das celas. Como os recursos não serão suficientes se cogita a possibilidade de uma parceria através da obtenção de recursos com depósitos judiciários. Para isso a Secretaria de Segurança deve apresentar um projeto de reforma complementar que iria garantir melhorias em toda a estrutura das delegacias.
Outra decisão tomada no encontro é que as discussões passam a ocorrer no Gabinete de Gestão Integrada (GGI), com a participação de um maior número de entidades públicas e civis. Uma das propostas da vereadora Iara Cardoso foi de que o Estado e o Município devem ter uma parceria para resolver o problema, nesse sentido uma das soluções seria o repasse do prédio do antigo Fórum para o município. ‘‘Nesse sentido abre a possibilidade de uma parceria do município com a iniciativa privada para a construção de uma central de polícia, com a possibilidade de instalar não só a DPPA e a 1ª DP, mas também a delegacia de Vulneráveis’’, declara.
As discussões agora devem pautar a reunião da próxima semana que contará com a presença do Diretor de Polícia Metropolitana (DPM), delegado Fábio Lopes. ‘‘A reunião foi bastante promissora esperamos que possa ser dada uma solução aos problemas relatados, o estado está disposto a encontrar uma saída’’, disse Wendt, ao receber das mãos da secretária de políticas para mulheres a intenção do município em instalar a Delegacia de Vulneráveis e a Defrec.

Notícias - Bancada PDT - José Maria Rodrigues Nunes (MTB 8238/RS)

Sistema Legis

Fale Conosco

Rua Independência, 66 - Centro - CEP 93010-001
São Leopoldo / RS
Telefone: (51) 3579-9200
Horário: segunda à sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h.
Em virtude do processo eleitoral, entre os dias 03/09 até o dia 15/10 os horários dos expedientes serão das 8:00 hrs às 14:00 hrs